segunda-feira, 12 de junho de 2017

14 - Ko Phi Phi/Long Beach - Nosso pôr do sol na ilha - Nem particular, nem privado, mas brilhante como deve ser.

Dia 12/05/2017 - Sexta-feira.

Depois da chuvona de ontem, acordamos hoje ressabiadas, e estava chovendo de novo.

Descemos para o café e voltamos para o quarto, quando de repente um solzão nasceu como se a chuva de minutos atrás não tivesse caído.

Como não tínhamos fechado nenhum passeio, resolvemos passar o dia em Long Beach novamente.

Fizemos a trilha que já mostrei aqui, agora com mais cuidado devido a chuva e estar um barrinho básico.

Mas ainda encontramos novidades no caminho, como esse balanço no meio da praia.


Foto by Dione.


E ao chegar esse lagarto dando seu passeio ao sol sem ser incomodado.


Fotos by Déa.

Almoçamos por lá mesmo, no mesmo hotel, no mesmo bar do hotel, nas mesmas espreguiçadeiras, o mesmo camarão empanado com molhinho e uma água (Baths 250).

Mais tarde o Sérgio nos encontrou na praia, e no final do dia, resolvemos ir até o View Point ver o pôr do sol e o Sérgio nos abandonou de novo.

Difícil deixar esse "visu" pra trás, mas sempre tem novidades e lindezas no nosso caminho é preciso seguir em frente, saber dizer com gratidão no olhar ah...deus.


Foto by Dione.

O View Point nada mais é do que uma propriedade privada no topo da ilha, para onde você e todo mundo deve correr (Buda nos livre) no caso de um Tsunami.

Se isso acontecer eu torço para que você não esteja na praia de Long Beach, pois, o caminho para lá é mais longe que ir até o View Point via centrinho e bem sinuosa e barrenta.


Foto by Déa.


Eu sempre para trás e com a bochechas vermelhinhas...


Selfie by Déa.

Não sei se nos perdemos pela trilha, só sei que nos vimos entre casas dos locais, estação de água da ilha e construções de novos hotéis, passamos por todos com garra e determinação e eu (claro) com um medinho...rs


Foto by Déa.

E após uma hora chegamos ao View Pont II. (Baths 30). (Tem o I e o III)


Foto by ?


São pedras gigantes com vista para o nada e o tudo ao mesmo tempo, de lá você vê as praias, o céu, o sol se pondo e uma galera de turistas.


Foto by Dione.

Foto by Déa.

Foto by Déa.

Quando o sol dá seu último suspiro, a gente coloca novamente os pés pra caminhar.


Foto by Déa.


Para descer fizemos o caminho via centrinho e embora seja o caminho mais rápido, não é tão fácil assim também, são escadas altas, que como disse o Bruno, nosso amigo, não acaba nunca mais.

Mas pra descer todo santo ajuda e quando você se der conta estará no centrinho, eu e a Dione, ficamos para trás e nos perdemos das nossas amigas, resolvemos tomar um sorvetinho no caminho e apesar de eu ter pedido o meu direitinho, o moço fez a modo do chef...rs
Não curti e joguei o sorvete todo no lixo, mas que é bonito é.. (Baths 100).


Foto by Déa.


Passei no mercado comprei água, batata, chocolate para nosso passeio à Maya Bay de amanhã (Baths 85).

Jantamos no hotel assim que chegamos (Baths 200), molhada e sujas, por que, subir para o quarto e descer não é uma opção muito sábia, e subimos após o jantar, definitivamente, para dormir.

O post do dia anterior você encontra, Aqui.

O dia seguinte é só Clicar aqui


Nenhum comentário:

Postar um comentário